Entrevista com João Viegas

Photo 30-03-18 23 39 30
O fotógrafo mineiro João Viegas (@viegasjoao).

O jovem fotógrafo mineiro João Viegas se tornou um globetrotter. Na bagagem, não só viagens para o mundo inteiro como registros das principais semanas de moda internacionais, além de trabalhos para importantes revistas. Batemos um papo com ele e trazemos um pouco sobre suas fotos inspiradoras e sua vida sem rotina. Confira agora!

1. João, como começou a sua relação com a fotografia?

Enquanto cursava Artes Visuais na UFMG comprei uma câmera analógica para experimentar a fotografia de filme. Comecei fazendo retratos, auto retratos e fui pegando gosto pelas fotos. Mas nunca pensei em trabalhar com isso. A carreira começou a tomar forma e eu fui de cabeça na experimentação fotográfica. Fiz algumas parcerias artísticas, participei de alguns editais e expus em algumas galerias.  Em paralelo comecei a fazer outros tipos de fotografia mais comercial e, entre elas, a fotografia de moda. Das possibilidades de mercado para a fotografia, a de moda era a que mais me dava prazer. Gosto da possibilidade de criar, experimentar e a moda permite e valoriza isso.

2. Você viaja o mundo todo fotografando. Como é a sua relação com o tempo?

Acho um pouco louco isso. Há 3 anos comecei a fazer a cobertura das principais semanas de moda. Do Prêt-a-porter a Haute Couture e, desde então, eu passo meses do ano viajando, as vezes o mês todo. Fora as viagens nacionais e internacionais com clientes. Essa história toda tira completamente a rotina da gente. Cada semana um fuso horário, uma agenda diferente.

3. Como você registra o tempo por meio da fotografia? Acha que suas fotos “congelam” momentos especiais?

Como retratista acho que o retrato consegue registrar um momento único de cada indivíduo fotografado. O tempo corre e um clique consegue registrar a ideia de temporalidade e espacialidade. Ao ver uma fotografia antiga  lembro do dia, do tempo e do entorno daquele clique.

4. Quando você olha para seu trabalho desde o início, tem alguma foto ou ensaio que se arrepende de ter feito?

Sempre tem trabalhos que gostamos menos. Mas arrepender não. Gosto de pensar que eu dou o meu melhor em tudo que eu faço e que se em alguns as condições para fazer não foram as melhores eu com certeza tentei meu melhor.

5. Quais fotógrafos você citaria como grande inspiração para o seu trabalho?

Eu gosto muito da Nan Goldin, Francesca Woodman e Cindy Sherman.

6. Que trabalho você sempre quis fazer ou alguém que sempre quis fotografar, mas ainda não teve oportunidade?

Não tem nada em especifico que eu pense que eu ainda deveria fazer. Já tive trabalhos impressos em revistas como Vogue, L’officiel e algumas gringas. Mas acho que quanto mais disso, melhor. Fazer a capa de alguma publicação importante seria bacana também e é algo que eu quero.

7. Qual o caminho que o fotógrafo deve percorrer para chegar aonde você chegou?

Não acredito em fórmula, mas acho que ser muito exigente com o que se faz, buscar sempre o melhor e principalmente ser uma pessoa legal com quem se trabalha. É muito importante ser humilde e aberto as oportunidades.

8. Viajar ou fotografar? O que você mais gosta?

Pode ser os dois juntos? (risada). Eu adoro viajar e fotografar viajando é um desafio. Novas locações, pessoas e inspirações!

Muito obrigado pela entrevista João!

João Viegas também já fotografou para a EXAIXO, sabia? Ele fez o primeiro catálogo da marca para o lançamento do e-commerce em maio 2016 e se apaixanou para os relógios minimalistas. Confira a postagem no nosso Instagram do João usando o modelo Onyx!

 


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s